Filmes

O Que os Homens Falam

O Que os Homens Falam (Una Pistola en Cada Mano, Espanha, 2012) é um filme que mostra o lado mais frágil e vergonhoso do universo masculino. A história é focada em oito homens com cerca de 40 anos, que estão envolvidos em situações cotidianas que refletem um grande conflito: a crise de identidade masculina. Sua incapacidade de expressar o que sentem os leva a situações cômicas e patéticas que deixam as mulheres atônitas diante de suas ações. É uma comédia que retrata, de forma irônica e sem compaixão, as deficiências, as fraquezas — e também as possíveis virtudes — das pessoas de hoje em dia, que independente de serem homens ou mulheres, se veem perdidos e confusos em busca de uma identidade. Mas uma vez que os homens são o foco, esse filme se revela um raios-x da vida sentimental de alguns homens, em suas tentativas de conquistar as mulheres.

O Que os Homens Falam

Os oito homens são definidos somente pelas (supostamente) primeiras letras de seus nomes: S, G, E, M, P, A, J e L, interpretados respectivamente por Javier Camara, Ricardo Darin, Eduard Fernández, Jordi Mollà, Eduardo Noriega, Alberto San Juan, Leonardo Sbaraglia e Luis Tosar. O filme é dirigido por Cesc Gay, que coordena com eficiência e segurança seu elenco masculino. Os atores têm desempenhos acertados e bem conduzidos em cada segmento da história em que estão inseridos.

O Que os Homens Falam é um filme de histórias entrelaçadas, contadas de forma episódica, mas que compartilham o estereótipo do homem em crise de meia-idade como elemento comum. Apesar da fragmentação da trama, é uma história simples, baseada quase que totalmente nos diálogos e na conversa. A ação é desenvolvida através dos encontros e discussões entre seus personagens, de forma leve e tranquila. Cesc Gay evita exageros ou grosserias, focando mais no drama cômico dos homens.

Como diz o título original do filme, o diretor fornece a cada “Una Pistola en Cada Mano” para lidar com problemas implacáveis da nossa geração. Os sujeitos dessa narrativa nos são absurdamente familiares, porque eles estão inseridos nas várias questões que permeiam o universo masculino. E são familiares tanto para nós homens quando para as mulheres que precisam conviver todos os dias com a gente.

São homens que vivem enclausurados na vida urbana, profissionais dedicados, românticos traumatizados, vítimas de bloqueios que às vezes são confundidos com indiferenças. Todos esses temas, e outros, são explorados em conversas impagáveis e críveis, que vão desde crises econômicas até depressão, passando por questões como cotidiano, divórcio, infidelidade, cansaço, entre outras. Em meio a essa profusão de complexidades, as mulheres, mais independentes, sobressaem, roubam a cena, a vida e até as disputas dos homens. Sempre saem vitoriosas contra esses homens quase sempre expostos ao ridículo.

Autêntico e divertido, O Que os Homens Falam é quase um estudo da psique masculina, que analisa homens dos mais variados tipos, eficiente em trabalhar cada comportamento com precisão e bom humor. Não é um filme que coloca o homem como herói. É um filme que coloca o homem como uma pessoa comum, mas sem ser excessivamente mundano. Apesar de todos os seus dilemas e receios, esses são homens que se esforçam para conhecer e lidar com seus sentimentos, e até mesmo conseguem arrumar alguns adjetivos para eles.

O Que os Homens Falam

O Que os Homens Falam

O Que os Homens Falam

Compartilhe este Post

Posts Relacionados



Resenhas Populares

Rogue One: Uma História de Star Wars

Rogue One: Uma História de Star Wars

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Raw

Raw

Capitão Fantástico

Capitão Fantástico

O Homem nas Trevas

O Homem nas Trevas

Nível Épico em Imagens

Google Plus

Facebook

SoundCloud