Filmes

Antes Sexo Do Que Nunca – Festival do Rio 2013

Antes Sexo Do Que Nunca

Antes Sexo Do Que Nunca

Antes Sexo Do Que Nunca

Antes Sexo Do Que Nunca

O tédio da vida burguesa de casar, trabalhar, ter filhos, etc. já foi objeto de tantas obras que já é quase um gênero à parte. Antes Sexo do que Nunca (Concussion, EUA, 2013) tem como grande novidade fazer isso com um casal lésbico.

O filme nos apresenta Abby (Robin Weigert), uma mulher de meia idade, com dois filhos, casada com outra mulher que parece não mais desejá-la sexualmente. Para obter satisfação, procura uma prostituta, e acaba por fim ela mesma se tornando uma, oferecendo seu serviço apenas para mulheres com grande poder aquisitivo. Aos poucos, vai encontrando dificuldade em conciliar a vida dupla.

Uma estratégia no combate ao preconceito é tentar mostrar as semelhanças de quem o pratica e de quem o sofre. O objetivo da diretora Stacie Passon parece ter sido esse: mostrar que um casal homossexual passa pelas mesmas agruras que um heterossexual. No entanto, não apenas de boas intenções se faz um bom filme, e este acaba falhando em muitos aspectos.

Falta às personagens uma profundidade psicológica maior. O que leva realmente a protagonista se prostituir, e não apenas procurar uma aventura amorosa? Sua esposa a deixa de lado por qual razão? E suas clientes, quem elas realmente são, e o que as levam a procurar por tais serviços sexuais? Todas as situações ficam muito jogadas no roteiro. A favor da diretora, porém, deve-se dizer que filma com bastante elegância as cenas eróticas, buscando planos que valorizam menos o corpo e mais a sensualidade das atrizes.

Muitas vezes, comparar duas obras com premissas parecidas, mas objetivos diferentes, pode ser extremamente injusto. Mas neste caso é impossível não se lembrar do clássico A Bela da Tarde de Luis Buñuel.

Enquanto o diretor espanhol utilizava o mote da burguesa que se prostitui para desconstruir as hipocrisias das convenções sociais, Passon acaba por fazer o contrário aqui. O erotismo de seu filme valoriza muito mais o lesbian chic, e quando tenta ser engajado acaba apenas por reforçar os estereótipos do modelo social e familiar ao qual todos nós estamos presos.

MOSTRA MUNDO GAY

ANTES SEXO DO QUE NUNCA (Concussion) – De Stacie Passon. Com Robin Weigert, Julie Fain Lawrence, Emily Kinney, Johnny Tchaikovsky, Ben Shenkman, Daniel London. Estados Unidos, 2012. 93min.

Compartilhe este Post

Posts Relacionados



Nível Épico em Imagens

Facebook

Google Plus