Livros

Feérica

Feérica

Dizem que o universo tem um grande senso de humor, que às vezes ter os nossos sonhos realizados pode ser como um pesadelo. Porque ter o que você quer sempre vem com amarras. E, mesmo quando você pensa que está finalmente em liberdade, você nunca se livra de casa.” (Gossip Girl)

Essa citação, que é a primeira coisa que você lê ao abrir o livro Feérica (Brasil, 352 páginas, 2013), pode ter tudo a ver com a vida de Violet, afinal a fada, de fato, tem um sonho, de viver com os humanos, ser famosa e sentir na pele o glamour das celebridades de Hollywood; mas, por mais louco que possa parecer, é tudo o que ela mais quer. Só que nem tudo é belezura e diamante, como ela vem a descobrir.

Ter um sonho realizado pode mesmo vir de mãos dadas com o pesadelo, dependendo da forma como você o encara. Acho que isso vale não só para a nossa fada maluquinha, mas para todos nós. É fácil demais nos perder de vista, quando a gente consegue o que quer. Difícil é manter a humildade e aquele ingrediente especial que nos diferencia dos outros. E é com essa forte e belíssima mensagem que a autora Carolina Munhóz nos conduz através da história da fada que pensa que o mundo dos humanos é que é fantástico e encantado.

Quem disse que passar horas vendo Reality Shows é inútil? A autora, amante do assunto, que já participou de Ídolos, na segunda edição, e chegou a ficar entre os 300 dos 3 mil candidatos sabe que os anos de “estudo” não foram desperdiçados. Cada linha da obra sobre as festas badaladas e os encontros amorosos com milionários é verossímil, e traz credibilidade à busca sofrida da protagonista em encontrar um lugar entre as estrelas. A luta não é fácil, o resultado menos ainda e, apesar do livro se tratar do sucesso e da conquista da protagonista, pra mim, a jornada tem a ver com a pessoa se perder e se esforçar (bota esforço nisso!) para encontrar o caminho de volta.

Feérica, lançado recentemente pela editora Fantasy – Casa da Palavra, os capítulos abrem sempre com uma citação de seriado ou uma catchy phrase famosa, estilo adotado pela autora, como vimos em O Inverno das Fadas, em que os capítulos abriam com uma música. Adorei a ideia! Reconhecer cada referência certamente torna a leitura mais gostosa (e nerd! Yay!).

Recomendo a leitura para os amantes de fantasia moderna, chick-lit, moda (risos) e, principalmente, aos que um dia sonham em ser famosos. A Carol dá dicas importantíssimas de como se comportar em festas, eventos, (até namoros), e situações constrangedoras. Tem de tudo! E, apesar de parecer um livro fútil, pelas palavras usadas para defini-lo, é justamente o oposto. Violet tem muito o que aprender, e nós também. E imagine o que quiser, mas acho que vem continuação por aí.

Compartilhe este Post

Posts Relacionados



Inscreva-se no Canal

Resenhas Populares

Rogue One: Uma História de Star Wars

Rogue One: Uma História de Star Wars

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Raw

Raw

Capitão Fantástico

Capitão Fantástico

O Homem nas Trevas

O Homem nas Trevas

Nível Épico em Imagens

Google Plus

Facebook

SoundCloud