Filmes

Entrevista com Tom Cruise sobre Oblivion

Fotos: Christiano Rubin

Oblivion Pré-Estreia Tom Cruise

Tom Cruise é um cara que REALMENTE adora o Brasil, e todo ano vem para cá divulgar alguma produção. Esse ano, ele veio para divulgar o filme de ficção científica Oblivion, muito-bem-espetacularmente acompanha pelas belas Olga Kurylenko (007 – Quantum of Solace) e Andrea Riseborough (W.E. – O Romance do Século), que contracenam com ele. Sempre simpático e muito atencioso com jornalistas e fãs, Cruise falou um pouco sobre o filme e seus projetos futuros durante a pré-estreia que aconteceu no Cinema Odeon, no Rio de Janeiro.

Perguntado sobre como foi filmar Oblivion, ele respondeu animado — “Primeiro de tudo, esse filme não foi feito de forma convencional. Joseph é um desses diretores visionários quando fazem um filme. A audiência vai ver algumas coisas bem incomuns. A forma como o filme foi gravado é fantástica; quando você está dentro daquela Sky Tower (Torre no Céu, que serve como base de operações do personagem na história) não é computação gráfica (CGI). Nós fomos até o topo de um vulcão com várias câmeras de alta definição e gravamos várias tomadas com formações de nuvens, amanhecer e pôr do sol durante semanas. E quando nós gravamos as cenas, o que ele fez foi adicionar essas cenas em enormes telas ao redor do set de filmagens como imagens de fundo. Quando você vê no filme, é uma experiência realmente única, torna tudo mais real.”

Cruise também falou sobre sua paixão por fazer ficção científica e sobre seu protagonista no filme — “Eu fiz Minority Report e Guerra dos Mundos, e quando eu vi o que Joseph pretendia fazer com esse filme, achei absolutamente fascinante, porque esse personagem, Jack Harper, é um sujeito comum, meio melancólico, que apenas faz seu trabalho diariamente sem dúvidas ou questionamentos. Ele desce todos os dias a Terra para consertar os drones (naves robôs), e está a duas semanas de deixar a Terra. Então, ele começa a se questionar por que faz aquilo, e ele também sente afinidade pelo planeta e não quer ir embora. O filme tem viradas impressionantes até o último momento; o aspecto suspense comum às ficções científicas também é muito forte.”

Na verdade, o filme Oblivion é baseado numa história em quadrinhos criada pelo próprio diretor Joseph Kosinski, mas que nunca foi realmente concluída, especialmente porque Kosinski foi chamado para dirigir Tron: O Legado. Perguntado sobre a história em quadrinhos, Tom disse — “Eu li apenas um capítulo de introdução que Joseph estava divulgando, não tinha nem roteiro ainda na época. Então, nós conversamos, ele me contou a história toda e eu quis fazer na hora.”

Cruise é um homem que não para, e isso se reflete na agenda de filmes que estão por vir e que contam com a presença do ator, não só atuando, mas também produzindo. Claro que quisemos saber mais sobre seus projetos futuros.

Sobre o já aguardado Missão: Impossível 5, anunciado para 2015, ele disse — “Ainda estou trabalhando na história, mas pretendo, se possível vir divulgá-lo no Brasil como fiz com Missão: Impossível 4. Mas, calma, sem pressão.” [Risos]

Outro filme de sua lista é o remake de Van Helsing (sim, aquele com o Hugh Jackman), para o qual Tom Cruise foi anunciado como protagonista — “Ainda estamos vendo as possibilidades e tudo vai depender do roteiro do filme, e também dos filmes nos quais estou trabalhando no momento.”

De acordo com Cruise, ele está trabalhando em cinco filmes no momento, e que acabou de concluir um filme para a Warner Bros., por isso, ainda precisa decidir qual filme fará a seguir. O filme para a Warner ao qual ele se refere é outra ficção científica (ele falou que gosta de sci-fi, não falou?!), chamado All You Need is Kill, inspirado no mangá homônimo e que tem estreia prevista para março de 2014. Aliás, sobre All You Need is Kill, o ator disse o seguinte — “Eu vou voltar no Brasil só pra falar sobre All You Need is Kill.” Ou seja, pode esperar por mais Tom Cruise em terras brasileiras no ano que vem. Ele gosta, e quando o próprio ator quer vir divulgar o filme aqui, o estúdio normalmente compra a ideia. Considerando a quantidade de filmes que ele faz, ainda vamos ver muito Tom Cruise pela frente.

Depois das entrevistas e de distribuir autógrafos/fotos/abraços para os fãs, Cruise recebeu ainda uma homenagem a sua carreira. Dentro da sala de cinema do Odeon, antes da exibição de Oblivion, foi exibido um curta com várias imagens icônicas de seus mais de 30 anos de carreira — uma homenagem bonita, exibida especialmente para ele.

Se você quiser saber mais sobre o remake de Van Helsing, clique aqui. Se quiser mais sobre All You Need is Kill, clique aqui. Se quiser ver o trailer de Oblivion, clique aqui.

Oblivion estreia dia 12 de abril.

Compartilhe este Post

Posts Relacionados



Nível Épico em Imagens

Facebook

Google Plus