Filmes

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã – Festival do Rio 2012

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã

San Diego Comic-Con. Atualmente, sem dúvida, é um dos maiores acontecimentos sobre cultura pop do planeta, um evento que começou como uma simples feira de quadrinhos e hoje reúne tudo o que há de mais importante não só nos quadrinhos, mas também no cinema e na televisão. Acima de tudo, a San Diego Comic-Con é a Meca dos Nerds!

É certo que um evento desse porte tem milhares de problemas, como o fedor que certamente infesta o lugar por causa da aglutinação de pessoas durante os quatro dias de convenção, ou o tempo que se gasta numa fila pra fazer qualquer coisa, ou o preço exorbitante pra comprar coisas lá dentro — que certamente ainda é bem mais barato do que seria pra comprar as mesmas coisas aqui no Brasil. Mas os próprios realizadores e convidados tiram sarro desses problemas aqui, porque esse documentário não é sobre o físico da Comic-Con; é sobre a alma, sobre as esperanças e sonhos que fundamentam a vida de cada nerd, sobre o espírito quase infantil que nunca morre e nos faz ser apaixonados por todas essas maravilhas que nos fazem mais nerds a cada dia. Porque ser nerd é ter paixão!

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã (Comic-Con Episode IV: A Fan’s Hope, EUA, 2011) é isso: um filme apaixonado feito por pessoas apaixonadas para pessoas apaixonadas — pela cultura pop. Originalmente conhecida como San Diego Convention Comic Book, a hoje amplamente conhecida Comic-Con, atrai todo ano centenas de milhares de fãs de quadrinhos, cinema, fantasia, ficção etc. para o centro de convenções que abriga nerds de todos os cantos partilhando das mesmas paixões e da mesma cultura — que por tanto tempo foi marginalizada, mas hoje ganha cada vez mais adeptos e respeito.

Morgan Spurlock apresenta num documentário bem amarrado e divertido os vários ângulos desse lugar que é tanto um reduto para os rebeldes da galáxia quanto uma Estrela da Morte. Assim, acompanhamos diversos aspectos da convenção através de um grupo diversificado de pessoas relacionadas à cultura pop, desde aqueles que criam até aqueles que consomem.

Pra dar o gostinho exato de nerdice, Spurlock acrescenta depoimentos entusiasmados de nomes ilustres como Joss Whedon, Harry Knowles e Stan Lee — que também são produtores executivos do filme — e outros frequentadores de destaque, como Seth Rogen, Eli Roth, Edgar Wright, Guillermo del Toro e Kevin Smith. Destaques para as sempre carismáticas aparições de Stan Lee e a divagação impagável de Kevin Smith sobre o que falaria se voltasse ao passado e encontrasse a si mesmo com 11 anos de idade.

No lado dos fãs, estão dois aspirantes à ilustradores com perfis completamente diferentes: um, filho de fãs de Star Trek que têm um bar temático; outro, um ex-militar que desenha um Hulk de tirar o chapéu. Vemos também uma figurinista que produz cosplays ESPETACULARES e detalhadas do game Mass Effect (incluindo uma cabeça de monstro animatrônica muito legal); um negociante de quadrinhos tentando superar os problemas de seu negócio para não ter que vender sua edição nº 1 raríssima da revista Red Raven (parte que coloca em voga as deficiências cada vez maiores do mercado de quadrinhos); e um jovem nerd ansioso para pedir sua namorada em casamento durante o painel do Kevin Smith (com direito a um anel especialmente feito com motivos de O Senhor dos Anéis pra dar a garota).

Abro aqui um adendo rápido pra falar desse pobre nerd e seu pedido de casamento. A cena do pedido é bonita e emocionante, especialmente divertida por causa da “participação especial” de Kevin Smith. Mas, sério, tenho pena desse moleque. Que namorada CHATA!

Claro que o gesto corajoso enaltece ainda mais a qualidade heroica presente na Comic-Con — afinal, este é um evento que nasceu da paixão aos quadrinhos de super-heróis. A cena do pedido de casamento é a representação máxima de todas as emoções normalmente envolvidas no documentário e na Comic-Con em si. Cada fã acompanhado por esse documentário é um herói a sua maneira, tentando superar os obstáculos para alcançar seus sonhos e objetivos.

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã é basicamente uma viagem apaixonada e divertida sobre a convenção, uma homenagem aos fanboys e fangirls que todos os anos correm entusiasmados para aquele lugar fantástico onde deuses e mortais se reúnem — onde sonhos se materializam.

A Saga Comic-Con: O Sonho de um Fã (Comic-Con Episode IV: A Fan’s Hope)

De Morgan Spurlock.

Com Eli Roth, Seth Rogen, Kevin Smith, Frank Miller, Stan Lee.

Estados Unidos, 2011. 86 minutos.

Mostra Midnight Movies

Compartilhe este Post

Posts Relacionados



Resenhas Populares

Rogue One: Uma História de Star Wars

Rogue One: Uma História de Star Wars

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Raw

Raw

Capitão Fantástico

Capitão Fantástico

O Homem nas Trevas

O Homem nas Trevas

Nível Épico em Imagens

Google Plus

Facebook

SoundCloud