Cinema

Continuação de X-Men: Primeira Classe pode se inspirar na saga Dias de Um Futuro Esquecido

X-men: Dias de Um Futuro Esquecido no Cinema

Qualquer leitor antigo de X-Men tem algumas sagas dos mutantes guardadas com carinho na memória, como A Saga da Fênix Negra ou a Era do Apocalipse. Mas muitos, com certeza, têm um carinho especial por uma das mais épicas histórias do grupo, Dias de Um Futuro Esquecido.

A ideia era SENSACIONAL. A saga apresentava um mundo distópico onde os X-Men tinham falhado em uma missão e mostrava as consequências terríveis desse fracasso. Escrita em 1981 pelo lendário Chris Claremont, com arte belíssima de John Byrne, Dias de Um Futuro Esquecido figura até hoje como uma das histórias mais impressionantes e adoradas do mundo dos quadrinhos. A própria capa da revista, com o Wolverine e a Kitty Pride envelhecidos na frente de um cartaz com vários mutantes assassinados, é uma das mais icônicas até hoje. Pra mim, É A MAIOR HISTÓRIA dos X-Men de todos os tempos!

Agora, visualiza como seria FODA se o enredo de Dias de Um Futuro Esquecido fosse adaptado para o cinema?! Visualiza. Só um pouco. Lágrimas. T_T

Segundo o site Ain’t It Cool News, a Fox recentemente registrou o nome Dias de Um Futuro Esquecido (Days of Future Past) como título na MPAA Registration Bureau. O que isso significa?! Que o título está garantido para o uso em planos futuros do estúdio, como fazer um filme com ele.

Ou seja, Dias de Um Futuro Esquecido pode ser o título da continuação de X-Men: Primeira Classe, recentemente anunciada com data de lançamento para julho de 2014. Claro, poderia ser também para o uso no tão alardeado quarto filme dos X-Men, mas a primeira hipótese parece muito mais plausível.

A saga tratava com viagens no tempo e realidades alternativas, o que daria abertura para a Fox e o diretor Matthew Vaughn organizarem definitivamente a continuidade da franquia dos mutantes no cinema sem desvincular o Primeira Classe dos filmes anteriores. Há de se considerar também o fato de que Wolverine (Hugh Jackman) fez uma ponta em X-Men: Primeira Classe e é um personagem extremamente importante para a saga Dias de Um Futuro Esquecido. Se usassem esse artifício poderiam manter o maior astro da franquia nos filmes — Hugh Jackman É O WOLVERINE, não dá pra ser outro — e de quebra ainda poderiam reinicializar toda a série com sutileza inteligente, exatamente como o J.J. Abrams fez com Star Trek. Os antigos filmes do X-Men ainda seriam válidos, diferente do que está acontecendo recentemente com o reboot de O Espetacular Homem-Aranha.

Na história, os X-Men estão tentando impedir a Irmandade de Mutantes (liderada pela Mística) de matar o senador Robert Kelly, um dos maiores defensores das políticas contra os mutantes. O evento central cria uma linha do tempo alternativa na qual os X-Men não conseguiram impedir o assassinato do senador e, como resultado, os mutantes começaram a ser caçados, presos e exterminados pelos humanos. Para tentar consertar as coisas, uma versão do futuro da mutante Kitty Pryde (interpretada por Ellen Page em X-Men: O Confronto Final) volta ao presente para avisar os X-Men para que eles possam evitar a morte de Kelly. Porém, mesmo após o sucesso da missão, a linha do tempo futuro continua a existir como uma linha de tempo alternativa, e não como o futuro real.

Certamente, usar a saga como base para X-Men: Primeira Classe exigiria algumas adaptações. A liderança da Irmandade dos Mutantes poderia ser facilmente atribuída ao Magneto (Michael Fassbender), dando seguimento à ascensão do personagem iniciada no primeiro filme. Nós ainda teríamos espaço para a inserção dos Sentinelas, no melhor estilo Exterminador do Futuro, e talvez para a introdução de dois personagens extra-temporais que dificilmente se adequariam à franquia cinematográfica como é atualmente: Forge e Cable.

A trama de Dias de Um Futuro Esquecido é mais densa e sombria do que universo colorido de X-Men: Primeira Classe, mas serviria perfeitamente para amadurecer a história — e ainda desconsiderar boa parte das falhas da série, como a morte do Senador Kelly no primeiro filme e todo o terceiro filme, X-Men: O Confronto Final.

De fato, há cerca de um ano, a produtora Lauren Schuler Donner disse que as ideias de X-Men 4 e X-Men 5 estavam em desenvolvimento. Além disso, temos o filme The Wolverine a caminho, que vai desconsiderar totalmente o primeiro filme solo do mutante badass e mudar o foco das coisas para o personagem.

A saga poderia facilmente abstrair algumas coisas dos filmes anteriores e reformular toda a proposta, sem ignorar o que foi feito até agora. Com o sucesso estrondoso de Os Vingadores, ficou claro para os estúdios o potencial que os super-heróis têm no cinema. Sobretudo, mostrou o quanto nós fãs somos importantes para o sucesso desses filmes. Porque se nós ficamos satisfeitos, nós assistimos várias e várias vezes ao filme, falamos sobre ele insanamente e elevamos o status dele nas telonas ao extremo. Eu, por exemplo, assisti a Os Vingadores cinco vezes. Só no cinema.

A Fox, na certa, vai pensar um pouco mais fã quando botarem um novo X-Men no cinema. Afinal, eles querem pegar o pedaço deles na fatia. E eles têm um super grupo tão épico quanto os Vingadores nas mãos. Pra dar um ideia leve de como ficaria, achei essa imagem FODA aí embaixo na internet.

X-men: Dias de Um Futuro Esquecido no Cinema

[bb]



Compartilhe este Post

Posts Relacionados



  • Laura

    Mal posso esperar! Mas sou suspeita, eu me emociono em qualquer filme de super herói e X-Men First Class foi uma choradeira !

  • Mi

    Adoro os X-Men! Queria ser um pouco mais nerd para entender tudo melhor, mas, fico ansiosa pelo proximo filme, seja ele qual for!

Inscreva-se no Canal

Resenhas Populares

Rogue One: Uma História de Star Wars

Rogue One: Uma História de Star Wars

It: A Coisa

It: A Coisa

Planeta dos Macacos: A Guerra

Planeta dos Macacos: A Guerra

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Raw

Raw

Siga no Bloglovin’

Follow

Vem Com a Gente

Curta e Compartilhe

Aperte o Play

Nível Épico em Imagens