Você Viu?

Um Parto de Viagem

Um Parto de Viagem

Lembro de 2006, quando surgiu nas telas do cinema O Grande Truque (The Prestige, 2006), um filme surpreende dirigido por Christopher Nolan. Um ano antes, ele filmara Batman Begins (2005) e, dois anos depois, veio com o excelente Batman – O Cavaleiro das Trevas (The Dark Knight, 2008). A impressão é que O Grande Truque foi um exercício de narrativa produzido como um passatempo, enquanto Nolan desfrutava de “férias” entre suas criações mais soberbas. O resultado foi um filme despretensioso, porém bem construído e com todo o estilo do diretor visível na trama.

Você deve estar pensando… o que isso tem a ver com Um Parto de Viagem (Due Date, 2010)?

Na verdade, pouca coisa. São gêneros extremamente diferentes. Entretanto, a impressão que fica de Um Parto de Viagem é que Todd Phillips, diretor da película, resolveu se divertir construindo uma história simples enquanto curtia umas “férias” entre suas duas grandes produções: Se Beber, Não Case! (The Hangover, 2009), que alcançou um grande sucesso entre o público e Se Beber, Não Case! 2, prometido para estrear em 2011. Um Parto de Viagem, como outrora foi O Grande Truque, é um passatempo que cumpre seu papel de divertir e também carrega muito do estilo de seu diretor.

O longa-metragem conta a história improvável de Peter Highman (Robert Downey Jr.), um arquiteto de pavio curto e sisudo ao extremo que precisa chegar urgentemente a Los Angeles para o nascimento de seu filho. O problema é que, logo na chegada ao aeroporto, ele cruza com o indivíduo que vira sua vida de pernas para o ar, o aspirante a ator Ethan Tremblay (Zach Galifianakis). Por causa de um problema no avião envolvendo a palavra que nunca deve ser dita — terrorista —, os dois são colocados para fora e impedidos de voar. Sem documentos ou solução para chegar a tempo no parto de seu filho, Peter aceita pegar carona com Ethan, mas acaba envolvido na viagem mais insana da sua vida. Neste ponto, o suplício de Peter se aproxima bastante com o de Steve Martin, que sofreu nas mãos de John Candy no clássico oitentista Antes Só do que Mal Acompanhado (Planes, Trains and Automobiles, 1987).

O non-sense, que já se provou uma marca do diretor em Se Beber, Não Case!, é extremo, mas, em nenhum momento compromete. Aliás, Todd Phillips já mostrou sua capacidade para a comédia escrachada e seu talento é inegável. Não faltam piadas escatológicas, como o cachorro adepto de masturbação ou as cinzas do pai de Ethan carregadas numa lata de café.

Entretanto, não é o diretor quem conduz a fita, mas seus protagonistas. Robert Downey Jr. e Zach Galifianakis estão à vontade em seus papéis e convencem como dois indivíduos diferentes que precisam superar suas desavenças para alcançarem seus objetivos. Além disso, o diretor consegue alternar os momentos cômicos e emocionais de tal forma que, quando você menos percebe, já está cativado pela empatia dos personagens. A sequência do banheiro, quando Peter propõe testes de interpretação a Ethan, vai da gargalhada ao choro em questão de minutos e emociona. Não adianta, no fim, por mais estranho que Ethan seja, você vai desejar um dia ter alguém como ele ao seu lado numa viagem. Seu jeito ingênuo e afetado não é só um alívio para o estresse cotidiano, mas também uma lição de como esquecer as preocupações de vez em quando pode ser bom para a felicidade de uma pessoa… como se prova ser para Peter.

Não podemos esquecer, no entanto, das participações especiais de Michelle Monaghan, Juliette Lewis, Jamie Foxx e Danny McBride — estes dois últimos rendem as cenas mais bizarras (e hilárias) da película. Outro ponto positivo é o clima do filme, que mais parece um road movie com doses de filme policial, vide uma perseguição em que Tremblay se mete para salvar seu novo amigo de um problema. Em determinadas cenas, nem parece um filme de humor.

Um Parto de Viagem nos entrega uma comédia despretensiosa e sem exageros, mas com a promessa de ser uma das melhores do ano.

Nível Exemplar

Compartilhe este Post

Posts Relacionados



Inscreva-se no Canal

Resenhas Populares

Rogue One: Uma História de Star Wars

Rogue One: Uma História de Star Wars

It: A Coisa

It: A Coisa

Planeta dos Macacos: A Guerra

Planeta dos Macacos: A Guerra

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Animais Fantásticos e Onde Habitam

Raw

Raw

Siga no Bloglovin’

Follow

Vem Com a Gente

Curta e Compartilhe

Aperte o Play

Nível Épico em Imagens